[Review] Black Clover – “Transformação”

 

O grande mangá dos clichés bem usados nos apresenta mais um capítulo cheio de… wait for it… clichés. Vem ler!

Você sabe o que é uma senoide? Senoide é como chamamos os gráfico da função f(x) = sen x. Esse gráfico tem um formato de “montanha russa”, ou seja, apresenta vales e picos. Um sobe e desce constante. Altos e baixos. Pensando com meus botões sobre esse mangá tão adorado por mim, percebo que os capítulos obedecem a uma função seno, ou seja, cheio de altos e baixos.

No review do capítulo anterior, eu havia dito sobre como a solução que Tabata-sensei havia dado para a luta de Asta e Radros tinha sido interessante e fora dos clichés padrões de mangás shonnens. Asta rendeu o vilão absorvedor de energia usando uma estratégia interessante e não precisou apelar para um poder novo, despertado. Ou seja – o capítulo foi uma subida, um pico no gráfico “f(black clover) = sen (black clover)”. Entendedores entenderão.

Logo no começo desse capítulo, senti um cheiro estranho no ar. O capítulo 96 se inicia com Asta conversando com um Radros vencido e prostrado aos pés do garoto, implorando por sua vida (literalmente). O mago da Kuro no Yami não mostra clemência e nem a burrice habitual dos protagonistas de mangás – ele é impassível ao apelo do general de Diamond.

Com o pouco de magia que lhe resta, Radros consegue escapar por pouco do golpe mortal desferido por Asta. Enquanto foge, o vilão tenta retirar a espada fincada em seu peito, utilizando de sua magia de reforço. O plano dá certo e após muita dor e bastante esforço, a espada sai de seu ombro.

O cara é monstrão mermo

Quando percebe que está próximo a Fana e Mars (que está caído, devido aos ataques sofridos), Radros formula um plano em sua cabeça e tão logo o põe em prática. Ele rende Fana com sua força maximizada, se aproveitando da impossibilidade da moça de usar seu poder mágico. O objetivo do vilão é o poder da Salamandra de fogo, poder que está adormecido no corpo da jovem moça. Radros ataca o corpo caído de Mars, deixando a moça em um intenso estado de choque, a ponto da Salamandra de fogo ser liberada.

Adoro a arte dessa Salamandra de fogo

Mas a pergunta que fica é: como a Salamandra de fogo saiu do corpo de Fana novamente? Tudo bem, o desespero pode ter ativado seu poder à força, mas no capítulo anterior foi dito que ela não tinha mais poder nenhum! Do nada ele voltou? Pra mim, não fez muito sentido.

Capítulo 95 – Fana aparentemente não tem muito controle sobre seus poderes, né…

Ao absorver tal poder, Radros volta com força total. Força total até demais. O vilão fala em dominar o reino inteiro e se vingar de todos aqueles que o humilharam. Os heróis sofrem ataques desferidos pelo vilão e acabam ficando mais ferrados do que já estavam. Vendo de longe o sofrimento de nosso protagonista, a rainha das bruxas percebe que Asta possui um poder escondido, baseado em suas espadas. Então, a bruxa usa suas maracutaias para despertar o poder oculto de Asta.

TÁ SAINDO DA JAULA O DEMÔNIO!

Que capítulo mais sem graça. A minha expectativa era de que ele fosse desenvolver mais da história relacionada às gemas mágicas ou sobre a relação de Clover e Diamond. Ao usar o cliché do “poder oculto do protagonista”, Tabata-sensei perdeu os pontos que havia ganhado comigo nos capítulos passados. Radros é um vilão chato, sem carisma e que não tem personalidade forte o suficiente para nos importamos com ele.

Pelo menos, confirmamos que Asta tem algum poder oculto. Isso estava óbvio por dois motivos; primeiro, seu poder único tem que vir de algum lugar, por algum motivo. No mangá, nos é apontado que anular magias com uma espada é algo raro, e que o livro usado pelo rapaz também é anormal (o próprio mago imperador se interessou nele). Segundo, que Black Clover é o mangá dos clichés e todo protagonista que se preze tem que ter um poder oculto. Era questão de tempo para o de Asta aparecer.

Agora, nos resta esperar o capítulo 100 (números fechados assim, são marcados por nos mostrarem grandes picos na história da obra) para ver o poder de nosso protagonista e o desfecho dessa luta (chatíssima) com Radros. Como sempre, confio em você Tabata-sensei. Volte a senoide de Black Clover para o pico!

Comments

comments